SINPOL-RN participa de Audiência Pública sobre salários dos servidores

28/02/2019 07h54 - Autor: Assessoria de Imprensa - Fonte:
O SINPOL-RN esteve novamente na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, nesta quarta-feira (27). Desta vez, o presidente do Sindicato, Nilton Arruda, participou de Audiência Pública que tratou sobre a situação dos servidores estaduais, principalmente, sobre os salários atrasados.
 
A Audiência Pública foi proposta pelo deputado estadual Sandro Pimentel (PSOL) e contou com a presença de representantes de várias entidades sindicais. O Governo do Estado enviou o Subsecretário de Administração do Estado, José Ediran Magalhães.
 
Mais uma vez, o Governo alegou que não tem recursos em caixa para quitar o restante do 13º de 2017, bem como o restante de novembro e dezembro de 2018, e o 13º de 2018. De acordo com José Ediran, as negociações para venda da folha do estado e antecipação dos royalties estão em andamento e devem começar a ser concretizadas nos próximos meses, no entanto, não estabeleceu um prazo fixo.
 
O presidente do SINPOL-RN, Nilton Arruda, fez uso da fala durante a Audiência Pública. Ele lembrou que os aposentados e pensionistas da Polícia Civil não receberam a integralidade do 13º de 2017, assim como os demais Policiais Civis e Servidores da Sesed também estão sem os salários de dezembro e 13º de 2018.
 
"Não bastasse essa situação degradante de salários atrasados, eu estou aqui pra informar aos senhores que, infelizmente, os Policiais Civis do Rio Grande do Norte estão prestes a terem uma redução salarial e o Governo do Estado até agora não demonstrou interesse em evitar que isso aconteça", disse Nilton Arruda.
 
O presidente do Sindicato se referiu à ação movida pelo Ministério Público contra o Estado para que os Adicionais por Tempo de Serviço dos Policiais Civis sejam retirados. O processo está em fase de julgamento e o SINPOL-RN tenta articular junto ao Governo uma proposta para evitar que a ação resulte em perdas salariais.
 
"Nós temos uma proposta para apresentar que poderá evitar perdas e não acarretará nenhum impacto para o Estado, no entanto, temos tentado reunião com a governadora Fátima Bezerra e até agora ela não nos recebeu para tratar do assunto", comentou. 
 
Nilton Arruda ainda falou: "Infelizmente, o que eu tenho para dizer aos senhores não é nada bom. Diante de toda essa crise financeira, caso os Policiais Civis ainda venham a sofrer redução de salário, a instituição Polícia Civil irá entrar em colapso. Poderemos ter a repetição do que aconteceu em 2017 com a categoria sem condições de trabalhar e o crime tomando conta da cidade".
 

Galeria de Fotos

PARCEIROS
PARCEIROS

Sindicato dos Policiais Civis e Servidores da Segurança Pública do RN - SINPOL/RN

Natal: Av. Rio Branco, 825 - Cidade Alta - CEP 59025-003Telefone: (84) 3344-4990 | (84) 3344-4991 | (84) 3344-4992 | (84) 3222-7779

Mossoró: Rua Adauto Pinheiro, Nº 134 - Nova Betânia - CEP 59603-180Telefone: (84) 3316-5636

Horário de funcionamento: 08h às 17h

E-mail: sinpolrnadm@gmail.com